100 dias de mandato: Os principais desafios dos prefeitos eleitos

03 de Fevereiro de 2021 | Notícias

Os prefeitos eleitos tomaram posse no dia 1º de janeiro, dando início a um período muito estratégico ao mandato de um representante eleito para ocupar um cargo municipal. Durante os 100 dias de mandato, eles devem implementar ações relevantes que irão reverberar por toda a gestão e que precisam envolver medidas relativas à boa governança, definição de metas, formação de equipes e definição das prioridades do mandato.

Para auxiliar de forma prática os gestores públicos na construção dos planos de governo dos novos mandatos municipais, o CLP vem produzindo guias, ferramentas, boas práticas, encontros virtuais, vídeos e muito mais. Ao final do trimestre, faremos um encontro oline para avaliar como foram esses primeiros meses dos novos mandatos municipais, sempre balizados pelos dados do Ranking de Competitividade dos Municípios.

 

Inscreva-se para receber todos esses conteúdos e muito mais em primeira mão no seu e-mail.

 

Podcast Coisa Pública discute os 100 dias

 

Com a participação de Humberto Dantas, Head de Educação do CLP, e Pedro Trippi, membro da nossa Inteligência Técnica, o podcast Coisa Pública discutiu o que os novos prefeitos devem se atentar neste início do mandato e como está a situação fiscal das gestões que estão iniciando. Ouça o episódio aqui.

 

Quatros desafios dos prefeitos eleitos

 

A partir da consolidação de dez pilares e 55 indicadores, o Ranking de Competitividade dos Municípios revelou aos 405 municípios brasileiros com mais de 80 mil habitantes quatro áreas que devem ser prioritárias neste início de mandato: saneamento básico, saúde, educação e solidez fiscal. Leia o artigo de Tadeu Barros, diretor de Operações do CLP.

 

Consulta pública para o retorno das aulas presenciais em Mogi das Cruzes

 

Para estudar o retorno das aulas presenciais, a prefeitura de Mogi das Cruzes realizou uma consulta pública entre os dias 18 e 21 de janeiro. O objetivo era ouvir a população, sobretudo os pais e responsáveis de alunos da rede municipal.

O levantamento é uma das medidas definidas pelo Comitê Gestor de Retomada Gradativa das Atividades Econômicas para a retomada das aulas. Ele foi criado pela Prefeitura e vai analisar critérios epidemiológicos, educacionais e socioeconômicos, reunindo dados da educação, saúde e assistência social, bairro a bairro, para a definição de estratégias referentes ao retorno do ano letivo. Leia mais na matéria do G1.

Inscreva-se para receber todos esses conteúdos e muito mais em primeira mão no seu e-mail.